Mostrando postagens com marcador Dilma Rousseff. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Dilma Rousseff. Mostrar todas as postagens

16 de abr de 2017

Repost: MP 703, a leniência de Dilma à empreiteiras, a 'mando' da Odebrecht e empreiteiras corruptas

Odebrecht admite ter encomendado MP 703 com petistas do governo Dilma
Abaixo você verá o que já era informado em 2015, antes do justo - e agora com mais mostras do porquê - impeachment de Dilma, e, seguindo, um trecho que mostra que tudo foi a 'mando' ou encomendado por parceiros da Odebrecht, na corrupção.
Segundo delações, à pedido de mega-empresário, Dilma teria designado seu 'homem de confiança', Aloisio Mercadante, para ouvir e esquematizar a 'leniência' que os mamadores precisavam.

MP 703, a 'Medida da tolerância de Dilma', com empreiteiras corruptas

A 'Medida Provisória 703' assinada por Dilma, tratará de enfiar 'acordos de leniência' na Lei nº 12.846/2013(Lei Anticorrupção). Parece que Dilma e o PT falaram tanto em mais tolerância e pediram tanto que as pessoas(da oposição) fossem menos intolerantes que, novamente a petista está sendo tolerante com a corrupção.

Veja parte do artigo de Gazeta do Povo que explica sobre a MP e alterações na lei:
Aos 18 de dezembro de 2015, a presidente da República editou a Medida Provisória 703, que alterou a redação e inseriu novos dispositivos na Lei 12.846/2013, a assim denominada 'Lei Anticorrupção' (isso além de modificar e repercutir em outras leis, como será abaixo examinado). Um primeiro olhar pode sugerir que a MP 703 trata apenas de 'acordos de leniência'; porém, fato é que os seus dispositivos conferem nova compreensão sistemática à Lei Anticorrupção, alternando sutilmente o seu eixo cognitivo.

O termo 'leniência' significa a qualidade dos que são suaves, meigos – e também daqueles que são condescendentes, tolerantes. Quem tolera conhece e admite o mal, consentindo com sua prática anterior...
Para entender a 'MP da tolerância de Dilma', clique

Atualização, notícia de abril de 2017, do 'Valor Econômico':


O patriarca da Odebrecht, Emilio Odebrecht, afirmou em depoimento ao Ministério Público Federal que entidades, como as federações das indústrias da Bahia e do Rio de Janeiro, também pressionaram pela Medida Provisória nº 703, que tentava facilitar o caminho das empreiteiras na obtenção de acordos de leniência com a então Controladoria-Geral da União (CGU). A MP foi editada no fim de 2015 pela então presidente Dilma Rousseff nos moldes que a Odebrecht queria, mas ‘caducou’ e não foi convertida em lei.

“Quem fez a pressão principal foram os sindicatos e as associações de classe, provocados por nós. Quando falei com Jacques Wagner, ele entendeu como um assunto que tinha pé e cabeça e que também atendia o governo”, disse o empresário.


Fonte e vídeo com depoimento: valor.com.br/politica/4937972/emilio-odebrecht-associacoes-tambem-pressionaram-pela-mp-703

31 de ago de 2016

20+19 senadores não votaram para punir crime de Dilma no julgamento do impeachment

O Vem Pra Rua, no dia de hoje está exibindo 39 senadores como contra o impeachment, como não tem nenhum constando como 'indeciso', acredito que o movimento, neste momento tenha colocado aqueles que votaram contra o impeachment e aqueles que não votaram pela perda de direitos políticos de Dilma, 'tudo no mesmo saco', veja os que constam como contra:

  1. Acir Gurgacz - PDT/RO
  2. Angela Portela - PT/RR
  3. Antonio Carlos Valadares - PSB/SE
  4. Armando Monteiro - PTB/PE
  5. Cidinho Santos - PR/MT
  6. Cristovam Buarque - PPS/DF
  7. Edison Lobão - PMDB/MA
  8. Eduardo Braga - PMDB/AM
  9. Elmano Férrer - PTB/PI
  10. Eunício Oliveira - PMDB/CE
  11. Fátima Bezerra - PT/RN
  12. Gleisi Hoffmann - PT/PR
  13. Hélio José - PMDB/DF
  14. Humberto Costa - PT/PE
  15. Jader Barbalho - PMDB/PA
  16. João Alberto Souza - PMDB/MA
  17. João Capiberibe - PSB/AP
  18. Jorge Viana - PT/AC
  19. José Pimentel - PT/CE
  20. Kátia Abreu - PMDB/TO
  21. Lídice da Mata - PSB/BA
  22. Lindbergh Farias - PT/RJ
  23. Maria do Carmo Alves - DEM/SE
  24. Otto Alencar - PSD/BA
  25. Paulo Paim - PT/RS
  26. Paulo Rocha - PT/PA
  27. Raimundo Lira - PMDB/PB
  28. Randolfe Rodrigues - REDE/AP
  29. Regina Sousa - PT/PI
  30. Renan Calheiros - PMDB/AL
  31. Roberto Muniz - PP/BA
  32. Roberto Requião - PMDB/PR
  33. Roberto Rocha - PSB/MA
  34. Rose de Freitas - PMDB/ES
  35. Telmário Mota - PDT/RR
  36. Valdir Raupp - PMDB/RO
  37. Vanessa Grazziotin - PCdoB/AM
  38. Vicentinho Alves - PR/TO
  39. Wellington Fagundes - PR/MT

Agora, veja que 19 que vem duramente sendo criticados pelo MBL, pois votaram sim ao impeachment, mas, na hora de votar pela perda de direitos políticos de Dilma, não votaram a favor:

  1. Acir Gurgacz (PDT-RO)
  2. Antonio Carlos Valadares (PSB-SE)
  3. Cidinho Santos (PR-MT)
  4. Cristovam Buarque (PPS-DF)
  5. Edison Lobão (PMDB-MA)
  6. Eduardo Braga (PMDB-AM)
  7. Hélio José (PMDB-DF)
  8. Jader Barbalho (PMDB-PA)
  9. João Alberto Souza (PMDB-MA)
  10. Raimundo Lira (PMDB-PB)
  11. Renan Calheiros (PMDB-AL)
  12. Roberto Rocha (PSB-MA)
  13. Rose de Freitas (PMDB-ES)
  14. Telmário Mota (PDT-RR)
  15. Vicentinho Alves (PR-TO)
  16. Wellington Fagundes (PR-MT)
  17. Eunício Oliveira (PMDB-CE)
  18. Maria do Carmo Alves (DEM-SE)
  19. Valdir Raupp (PMDB-RO)

Todos os 19 estão na lista do Vem Pra Rua que constam contra o impeachment - seriam os que votaram contra impeachment e aqueles que não quiseram justa punição para a ex-presidente. Para quem não entende o erro destes 19 Senadores, é bom saber que, como eles foram considerados juízes e o julgamento era um julgamento, a decisão deles pode abrir precedente para casos de impunidade em outros julgamentos de corruptos, ou pior, a decisão deles por não punir, abre caminho para que outro partido peça um novo julgamento com impeachment e sua punição sejam votados novamente e juntamente.
Veja 21 senadores que votaram contra haver julgamento do impeachment

Fontes:

Imagem/print do mapa do Vem pra rua
20+19 senadores votaram a favor do de Dilma no julgamento do impeachment

30 de ago de 2016

Boataria petista força um procurador a soltar uma nota desmentindo-os

Difícil saber onde começou, vi primeiro num título duvidoso de Folha do Uol, mas pode ter partido de líderes petistas e dali para imprensa cúmplice da cleptocracia petista, depois de ir parar na Blosta petista passou a virar 'verdade' para desatentos, isso é uma mostra do potencial de provocar desinformação que essa gente tem.
Procurador citado pela defesa de Dilma divulga nota desmentindo
Petistas cheios de más intenções espalharam a mentira que MPF teria inocentado Dilma das pedaladas e que, pedaladas não existiram, uma mentirada enorme que, dezenas de artigos com títulos semelhantes foram criados, todos mentindo - com diferentes palavras - que MPF teria inocentado Dilma.

'Procurador citado pela defesa de Dilma divulga nota desmentindo Cardozo', diz site de Folha Política:

O procurador Ivan Marx, incessantemente citado pela defesa de Dilma, divulgou uma nota em que explica que não inocentou Dilma Rousseff no caso das pedaladas. De fato, ele diz que jamais investigou atos da presidente afastada. Além disso, ele concluiu que os ministros de Dilma, servidores e diretores de bancos públicos cometeram atos de improbidade administrativa. O procurador se colocou à disposição dos senadores para esclarecimentos no julgamento do impeachment. Vale lembrar que a defesa de Dilma não o arrolou como testemunha.

Leia a nota de esclarecimento do Procurador do MPF, Ivan Marx:

Em relação às afirmações feitas por senadores e demais participantes do julgamento do pedido de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff sobre o pedido de arquivamento, por inexistência de crime, no caso das 'pedaladas fiscais', o Ministério Público Federal (MPF) esclarece:

a - Em momento algum, o procurador da República Ivan Cláudio Marx, autor do pedido, investigou atos da presidente afastada Dilma Rousseff. Em razão da atribuição, Marx investigou apenas os atos dos então ministros, servidores e diretores de bancos públicos. Dessa forma, ao concluir pela existência de improbidade administrativa e inexistência de crime, o procurador faz referência, apenas, aos atos praticados por esses últimos (ministros, servidores e diretores de bancos públicos).

b - A improbidade administrativa apontada se refere apenas aos atos ocorridos até o ano de 2014. A investigação ainda segue para definir quem, entre os investigados, foram os responsáveis pelos atos.

c- Ainda não há conclusão sobre a existência ou não de improbidade administrativa no que se refere aos atos posteriores a 2014. Há, sim, conclusão sobre a inexistência de crime.

Por fim, o procurador esclarece que é lotado em Brasília e está à disposição para prestar quaisquer esclarecimentos aos senadores que decidirão o pedido de impeachment, não havendo necessidade de serem feitas ilações sobre seu pensamento.

Fonte: www.folhapolitica.org/2016/08/procurador-citado-pela-defesa-de-dilma.html

12 de ago de 2016

Recurso à OEA é conversa mole que não dará em nada, diz Reinaldo Azevedo

A palhaçada é igual a tentativa de Lula entrar com requerimento na ONU contra a Lava-Jato ou contra Sérgio Moro, lembrou Jornalivre. Ambas ações são midiáticas na tentativa de jogar a população contra quem quer fazer justiça, mas também são ações muito similares à tentativa da atriz Leticia Sabetella ir até Roma falar com o Papa na possível e frustrada esperança que ele repetisse o engodo de que impeachment é 'golpe'. No mesmo modos, também existem as diversas ações contra Moro por parte de petistas, advogados deles e de Lula. Outra ação ainda mais ridícula, o falso 'Tribunal Internacional pela Democracia do Brasil' onde petistas e esquerdistas com sonho de ditadura comunista simularam um julgamento aos modos ditatoriais de seus sonhos - com petistas fazendo a defesa do "réu", que no caso tratava-se do impeachment -, tudo com o fim de enganar ingênuos e fazer mídia, ou choradeiras em sites vendidos.
Recurso à OEA é conversa mole que não dará em nada
No caso do recurso ao OEA, Reinaldo Azevedo lembra que nem poder para impedir o impeachment OEA tem. - Se OEA desse alguma determinação, ela humilharia os petistas, mas, como a decisão pode demorar, a humilhação se dará daqui alguns anos ou meses, infelizmente aí a coisa já esfriou e poucos lembrarão. Reinaldo esclarece que, mesmo que fosse favorável ao PT, a decisão de OEA vale tão pouco que já foi ignorada antes, até pela petista Dilma, leia:

10 de ago de 2016

Nome, partido e estados dos 21 senadores que votaram contra o impeachment de Dilma Rousseff

Se você der uma pesquisada, descobrirá que boa parte dos senadores contrários ao impeachment, é político acusado de corrupção, alguns estão sendo investigados na Lava Jato e outras operações que investigam corrupção do governo do PT.
Senadores que votaram contra o impeachment de Dilma Rousseff
Imagem do MBL
Não houve abstenção, com exceção de Renan Calheiros que não votou, os senadores são praticamente dos mesmos da lista de senadores que votaram contra a abertura do processo de impeachment. Um detalhe, o 'ex'-petistas da Rede, Randolfe Rodrigues, que diversas vezes se diz contra a corrupção, votou contra o impeachment de Dilma, a ex-presidenta que instalou o caos no Brasil e que fez a campanha eleitoral mais corrupta de todas, e que diz que não sabia de nada sobre toda a imensa lama na sua volta, mas que delatores já delataram que ela sabia e participava.

Os 21 Senadores que votaram contra o julgamento do impeachment de Dilma

7 de jul de 2016

Cunha pode ser corrupto, mas o choro da renúncia é mais dignidade que o de Dilma

Comparando Cunha e Dilma, ou outros petistas, apesar de tudo, ele tem mais dignidade, mais honra, mais patriotismo, mais comprometimento com o Brasil, 'mais um monte de coisas'. Por mais que possam ser e possivelmente são pouquíssimos os graus dessas qualidades.

Você até pode sentir pena ao ver político chorando, é normal do ser humano, mas deve - em menos de 5 minutos - respirar e rever esses sentimento e motivos, ignorando-o e até anular o sentimento para com o político. Não dá para acreditar na inocência de Cunha, mas o choro dele é, na maioria dos sentimentos, pelos mesmos motivos que o de Dilma, talvez até mais nobres, pois ele não chorou só por si, mas pela sua família, muito diferente dos choros de Dilma, até mesmo mais nobre que as lágrimas que Lula andou derramando em público, pois Dilma nunca teve o nome de familiares envolvidos e Lula nunca foi visto chorando por seus familiares, mas sim pela sua trajetória que foi desmascarada e por estarem descobrindo e expondo tudo o que ele fez.

Deputado Eduardo Cunha mostra dignidade ao renunciar a presidência da CâmaraA corrupção de Cunha, duvido que não tenha existido, mas, os atos dele, nem de longe são tão terríveis quanto os dos petistas que, criticam Eduardo Cunha e outros por terem roubado para seu conforto... enquanto se gabam de terem roubado pelo seu partido, pelo poder e, escondem que roubaram pensando a longo prazo, roubaram para fins eleitoreiros, para um estelionato eleitoral que visava e visa atacar a democracia usando de intermináveis recursos e enormes quantias de dinheiro para mentir ao povo, para comprar mídias, para manipular, para um 'marketing' tão poderoso e enganoso quanto caro. O marketing entre aspas, fica por ter cruzado a fronteira do marketing e combinado as ações de marketing com atos criminosos, como exemplo, são casos que buscavam aproveitar ou plantar calúnias em mídias e blogs petistas para fazer campanhas em cima disso.

Também não podemos esquecer que Cunha, assim como tantos outros políticos se beneficiaram e se apoderaram com o apoio de petistas, com 13 anos de PT no governo, o que temos é esse tipo de coisa, políticos como Sarney, Renan, Lobão, Cunha e outros, poderosíssimos, e não tem um que não tenha recebido muito apoio do PT.

4 de jul de 2016

Valor que Dilma perdoou dívida de ditadura é próximo ao gasto com arte pelo filho do ditador

Dilma e Lula deram dineiro de imposto para ditadura comprar obras do estilista Yves Saint Laurent
O filho do ditador de Guiné Equatorial, em 2012, foi condenado pela França por usar US$ 20 milhões de recursos públicos para comprar a coleção de arte do estilista Yves Saint Laurent. Em 2013, Dilma perdoou a dívida de R$ 27 milhões do país com o Brasil, um feito que, certamente foi usado pelo ditador para mentir ao seu país que isso foi um belo feito que a amizade e boas relações dele conseguiram. Mas a coisa não para nisso, os companheiros doadores de campanha para o PT se beneficiaram das relações de nossos 'líderes' bolivarianos do PT e, além de exportarem corrupção para ajudar o ditador explorar o povo daquele país, ainda ajudaram o filho do ditador aqui no Brasil a fugir da justiça, e pode ter certeza que tiveram a ajuda do desgoverno do PT para o crime.

Através de mensagens obtidas pelas investigações da Lava Jato, parte da sujeirada foi descoberta, inclusive indícios do governo petista ter agido para favorecer negócios das empreiteiras amigas do PT com o ditador Obiang. Mensagem no celular de Léo Pinheiro incrimina Lula, clique e leia

Empreiteiros tiveram informação privilegiada do governo do PT, sobre a França ter pedido extradição do 'filhote de ditador'


18 de jun de 2016

Vampiro do PT, o militante que desperta após ao sentir cheiro de sangue


Em determinados momentos aparece uma criaturinha abominável e muito chata, que adormece para a política e acorda após determinado escândalo, é o 'vampiro do PT', um tipo de militância que muitas vezes gosta de fingir de isentão, outras ele nem mesmo faz questão de fingir não ser petista. O ser surgiu com muita força numa delação do Sérgio Machado, onde o mesmo acusou Michel Temer de ter pedido doação ou caixa 2, o fato foi amplamente divulgado na mídia. O cheiro de uma gota de sangue que o arranhão causou ao governo Temer fez com que os 'vampiros do PT' despertassem pedindo sua cabeça em uma bandeja de prata, e muito pior, ao que sentem-se largados pelo PT, partido que não assume sua vontade em manter Dilma fora do governo para evitar desgaste ao partido, os 'vampiros do PT' correm chorar em páginas de movimentos como o MBL, quase que implorando: "vamos tirar Temer para Dilma voltar".

11 de jun de 2016

O novo golpe de Dilma: 'promessa de plebiscito e novas eleições', mas...

Para todos entenderem o golpe de Dilma, 'promessa de plebiscito e novas eleições', Luciano Ayan desenhou. O novo golpe que Dilma, Lula e o PT tentam, é como se fosse um labirinto, o final é sempre o bolivarianismo e aliado do PT tendo vitória, para, assim como na Venezuela, massacrar o povo.
Leia o que postou Luciano Ayan:
Esse plano de Dilma e do PT é muito sujo e descarado. Provavelmente não vai dar certo, mas aqui está então, como o PT idealizou o uso da narrativa do 'apoio de Dilma ao plebiscito por novas eleições, mas só se voltar ao cargo'. Nem crianças de 10 anos podem cair nesse tipo de truque. Quem estiver apoiando essa bosta - ei, Álvaro Dias, estamos de olho - está ciente de que é tudo um golpe para ajudar unicamente Dilma e o PT.

12 de mai de 2016

Lista de Senadores que votaram contra o impeachment de Dilma Rousseff do PT

Lista de 22 senadores traidores do Brasil que votaram contra impeachment de DilmaDilma e PT tanto "lutaram" que conseguiram o resultado, o impeachment, lutaram pelo poder e com uso da corrupção para isso. Dilma, para seus ministérios, nunca se preocupou se estaria escolhendo um corruptos, pelo contrário, escolheu e protegeu alguns dos mais corruptos políticos do país, usou dinheiro público para compra de apoio e propaganda, corrompendo assim praticamente todo seu governo e, causando a crise que a forçou a dar pedaladas que só pioraram a crise. Tudo isso para conseguir seu cargo e se manter no poder, enchendo os bolsos de um salário do qual ela não faz por merecer. Dilma é honrada? "Já vai muito tarde".
Ver como votaram os deputados, clique aqui

Os 22 Senadores que votaram contra abertura de processo do impeachment de Dilma

Angela Portela - PT/RR
Armando Monteiro - PTB/PE
Donizeti Nogueira - PT/TO
Elmano Férrer - PTB/PI
Fátima Bezerra - PT/RN
Gleisi Hoffmann - PT/PR
Humberto Costa - PT/PE
João Alberto Souza - PMDB/MA
João Capiberibe - PSB/AP
Jorge Viana - PT/AC
José Pimentel - PT/CE
Lídice da Mata - PSB/BA
Lindbergh Farias - PT/RJ
Otto Alencar - PSD/BA
Paulo Paim - PT/RS
Paulo Rocha - PT/PA
Randolfe Rodrigues - REDE/AP
Regina Sousa - PT/PI
Roberto Requião - PMDB/PR
Telmário Mota - PDT/RR
Vanessa Grazziotin - PCdoB/AM
Walter Pinheiro - Sem Partido/BA

Você pode ver nomes, fotos e votos, em: http://www.valor.com.br/politica/4559261/por-55-votos-contra-22-senado-aprova-abrir-processo-de-impeachment

Petistas no Senado viram alvo de chacota 'por cacarejar para causar tumulto'

Senadoras e senadores cacarejam igual galinhas contra o impeachmentA maioria do povo que elegeu essa turma de petistas - que mais parecem um adolescentes brigando por picuinha - o fez por pensarem que trabalhariam pelo povo, por projetos e leis em favor do povo e do Brasil, mas o que fazem esses petistas nem digno de piada deveria ser, porém, no momento é o que resta fazer ao ver suas ações, e esperar o fim do mandato ou a queda deles por crimes que a maioria cometeu, e que não sejam mais eleitos.
Assista e espante-se com o que senadores do PT "revelaram": youtu.be/zt-BuXPVDZw

11 de mai de 2016

Petistas tentam comemorar a anulação do impeachment de Dilma, não deu tempo

Petistas enlouquecidos com anulação do impeachment feita por Maranhão
Os senadores petistas e aliados agiram como um bando de estagiários de humorista, Lindbergh Farias, Gleisi Hoffmann, Vanessa Grazziotin(PCdoB) e outros começaram comemorar a anulação do impeachment de Dilma por Waldir Maranhão(PP-MA), novo presidente da Câmara. Porém, nem mesmo tiveram tempo para as 'conjunturas' ou para saírem às ruas como pretendiam, pois o enlouquecido presidente da Câmara(interino) que antes agira como um 'boneco ventríloquo' do petista Cardozo e do bobo da corte, Silvio Costa. Menos de 24 horas depois da decisão, Waldir anulou a própria tentativa de anulação do impeachment que ninguém respeitou e só gerou-lhe uma verdadeira enxurrada de críticas. Da politicagem patética do bando do PT, só nos resta fazer piada e zoar, veja o vídeo:
youtu.be/c0aVgjGuwiQ

18 de abr de 2016

Deputados que votaram sim e abstenções dos que não votaram favorável ao impeachment de Dilma

Deputados que traíram a vontade do eleitor e votaram contra impeachment de DilmaDilma e PT tanto lutaram que conseguiram o resultado, lutaram pelo poder e com uso da corrupção para isso. Dilma, para seus ministérios, nunca colocou empecilho nem um para abrigar corruptos, escolheu e protegeu alguns dos mais corruptos políticos do país, usou dinheiro público para compra de apoio e propaganda, corrompendo assim praticamente todo seu governo e, causando a crise que a forçou a dar pedaladas que só pioraram a crise. Tudo isso para conseguir seu cargo e se manter no poder, enchendo os bolsos de um salário do qual ela não faz por merecer. Dilma é honrada? Para termos uma justiça, Dilma deveria pagar os prejuízos que causou, mas, jamais terá condições de fazer isso, nem ela e nem o PT. "Já vai muito tarde".
367 votos a favor do impeachment e 144 que não votaram favorável, sendo que dos 144, 137 disseram não, dois faltaram e 7 se abstiveram.

13 de abr de 2016

Jandira Feghali explica que impeachment é a solução para a crise do Brasil

Numa entrevista, Jandira Feghali fala sobre a situação do país e o péssimo governo, "país sem governo, aumentou gasolina, aumento da energia, inflação aumenta o preço do leite...". E conclui que "esse governo pede mais um voto de confiança, não tem, ganhou a eleição por meio de estelionato eleitoral, esse governo quer CPMF, um tributo que está sendo feito em cima da população e não está voltando em saúde"
www.youtube.com/watch?v=UzsH8yIgxFM


12 de abr de 2016

Para não se posicionar sobre impeachment, 'Tiririca manda jovem do movimento tomar no cu', segundo MBL

Post do MBL dá a entender que Tiririca mandou um dos membros do grupo tomar no cu, pois foi citado um acontecimento com Lula. Veja o que postou o MBL(Movimento Brasil Livre):
"E no mesmo lugar onde Lula quis colocar o processo, conforme vídeo de Jandira Feghali. Tiririca ainda não se posicionou sobre o impeachment."

Tiririca apoiador do PT e contra impeachment de DilmaEm imagem, o MBL ainda diz que 'pior que tá, fica', fazendo menção ao Tiririca ou a frase dele para campanha que teria sido em favor de Dilma, onde dizia "pior que tá, não fica".
Precisa ficar mais claro do que isso que o Tiririca não está a favor do impeachment? Assim como muitos, só sairão de cima do muro no dia, mas no momento, nada fazem para nos livrar de Dilma e do PT no governo, e, pode ter certeza que esses 'indecisos' votariam contra impeachment de Dilma se percebessem que ela teria os votos necessários para não ser impichada.

Em outras declarações, Tiririca diz não divulgar sua posição por ser 'formador de opinião', porém, formadores de opinião divulgando sua opinião não faltam, e

31 de mar de 2016

Em dois mandatos, Dilma dobrará a dívida do Brasil, se continuar nesse ritmo

Dois mandatos de Dilma dobrarão a dívida pública do Brasil se ela continuar nesse ritmo e for até o final de seu mandato, segundo os dados levantados pelo jornalista Lauro Jardim, a Dilma conseguiu até agora aumentar em 67% a dívida pública do Brasil, interna e externa.

Em 5 anos a dívida aumentou em 67%, é uma média de cerca de malditos 13% ao ano, como restam à Dilma mais 3 anos - se nada for feito para impedi-la - multiplique os 13% pelos 3 anos e some aos 67%, ultrapassará os 100% que, é o mesmo que pegar uma dívida e multiplicá-la por 2, dobrar.

29 de mar de 2016

Lista de Deputados e Senadores que estão contra impeachment de Dilma do PT

Já passou da hora de deputados e senadores se posicionarem sobre o impeachment de Dilma Rousseff, e sei que, para milhões de brasileiros, os parlamentares apoiadores do desgoverno do PT 'não valem nada', pois tudo que já foi demonstrado, é indefensável o que o PT vem praticando. Um partido de muitos criminosos, que atacam instituições, atacam a constituição, a justiça, atacam investigações sérias como a Lava Jato e seus promotores, investigadores e juízes corretíssimos como Sérgio Moro. Quem pode apoiar isso? Só quem quer ver o mar de lamas e impunidade vencer no Brasil.


Lista de deputados e senadores contra o impeachment de DilmaResolvi postar antes do posicionamento do PMDB sobre abandonar o governo petista, isso porque provavelmente só a partir desse passo do partido é que alguns dos PMDBistas(da lista abaixo) se posicionarão favoráveis ao impeachment, ou seja, se alguns precisam de uma ordem, se precisam de impedimento do partido para deixar de mamar nas tetas do governo(cargos em ministérios) e aí então apoiar o povo que está a favor do impeachment, esse político é um oportunista.

21 de mar de 2016

Lula mente que mercado é inimigo. Dilma é inimiga do mercado, do país, do povo...

Mentirosa a jararaca. A verdade, Dilma é inimiga do mercado! De qualquer modo, se ela é inimiga do mercado ou o mercado fosse inimigo dela, ela, como inimiga do mercado está no cargo mais errado do país.

Poderia o mercado ou a sociedade ser inimiga de um(a) presidente?

Jararaca mentirosa. Na verdade, Dilma é inimiga do mercadoNão poderia. Lula mente, pois veja que o mercado é como a sociedade, é composto de bilhões de pessoas, as 'vontades' ou necessidades não são comandadas por um, dez ou mil indivíduos, mas sim pelo todo. Isso só mostra mais uma vez, das dezenas já mostradas, que o PT e os seus tentam culpar os outros, encontrar inimigos para eles se colocarem como vítimas. Coisa de psicopata.
O PT, diferente do mercado, esse sim, tem líderes poderosos e já mostraram que são inimigos do Brasil, do mercado, da população e, desse modo estão se suicidando politicamente e destruindo o Brasil.

20 de mar de 2016

Dilma não sabia que, se ligar para bandido grampeado pela PF, sua conversa poderia ser exposta

Dilma não sabia que, ao ligar para bandido grampeado pela PF, sua conversa poderia ser exposta, como sempre foram gravadas conversas de criminosos em diversos casos de grampos telefônicos.
Agora, à presidenta desinformada, só resta tentar mentir que ela foi grampeada e isso seria um crime.
Dilma desinformada não sabia que ao ligar para bandido grampeado pela PF
Com o PT governando, chegamos ao dia que, pela boca de uma presidente, quem faz justiça deveria ser visto como criminoso, assim ela tenta jogar parte da população contra o Juiz Sérgio Moro. O que mais fará ela para defender o pai do mensalão e petrolão?

Não é a primeira vez que um presidente é pego em grampos telefônicos ao ligar para pessoas investigadas, inclusive a oposição ao FHC, PT e turma, tentaram entrar com ação judicial contra o presidente da época, 1999, e, com argumentos baseados em grampos telefônicos onde Fernando Henrique foi gravado. Está em reportagem antiga da Folha do Uol: http://www1.folha.uol.com.br/fol/pol/ult26081999208.htm

Veja trecho do argumento usado por petistas em 1999:
"Novas fitas do grampo do BNDES, ainda inéditas para o público, mostram que o presidente Fernando Henrique Cardoso não só sabia como também autorizou e participou de uma operação para favorecer empresas no leilão de privatização da Telebrás. O governo argumenta que interveio, a seu ver de modo legítimo, para aumentar o valor do leilão.

A Folha obteve as fitas sob a condição de não identificar a pessoa que as encaminhou. A Constituição assegura ao jornal, em seu artigo 5º, inciso 14, o direito de preservar o informante"

Veja os petistas e aliados que tentaram o "golpe" contra FHC:
JOSÉ GENOINO
MIRO TEIXEIRA
LUIZA ERUNDINA DE SOUSA
ALDO REBELO
MILTON TEMER
VIVALDO BARBOSA
ALCEU COLLARES


13 de mar de 2016

Fotos da manifestação do dia 13/03 mostram criatividade da população

Algumas fotos muito curiosas da manifestação em 13 de março mostram o quanto o PT está desgastado e a criatividade do brasileiro que aprendeu a aproveitar todas as declarações debochadas do PT, Dilma e Lula e, usar para debochar dos políticos.
Hoje, 13/3/2016 você pode acessar as páginas de movimentos pró-impeachment e encontrará logo muitas fotos, em outras datas já ficará difícil, apesar de elas estarem na página, estarão nas mais antigas e misturadas a demais imagens que os movimentos usam como modo de protesto ou expressão. Se desconhece os movimentos "anti-PT", veja alguns que lembro e acesso, não estão em ordem de melhor ou menos melhor, clique no nome para acessar:
Vem Pra Rua Brasil
Movimento Brasil Livre(MBL)
Juntos pelo Brasil
Revoltados online


As fotos foram compartilhadas no Facebook, inclusive na página do senador Ronaldo caiado(DEM), que pediu e as pessoas partilharam muitas fotos.



Dilma se manifesta sobre o impeachment, dia 13
Imagem de Brasília, clique

Em Goiânia-GO, Goiás, evitando que jararaca faça novas vítimas, 13
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...